As minhas compras
O seu cesto está vazio.
Adicione produtos ao seu cesto.
Os meus favoritos
Não perca os seus favoritos!
para guardá-los e gerir diferentes listas.
(0 artigos)
A lista de produtos favoritos está vazia.
Adicione produtos aos seus favoritos.
OS DIREITOS DA PATENTE
Favorito
OS DIREITOS DA PATENTE
Papel
13,00
ComprarComprar
Ebook
5,00
ComprarComprar

Detalhe
Editora:
Lisbon International Press
Data de publicação:
2022-11-15
Páginas:
152
ISBN:
978-989-37-1097-5
Género:
LISBON PRESS
Idioma:
PT
Sinopse

O presente livro republica o texto elaborado em 1995 no âmbito do Curso de Mestrado em Ciências Jurídico-Empresariais, realizado na Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, apresentado na disciplina de Direito das Empresas, sob orientação do Professor Doutor Orlando de Carvalho. O trabalho foi realizado no curso de mestrado de 1994/95, na Faculdade de Direito de Coimbra, dedicando-se então às patentes de invenção em momento coincidente com o fim dos 55 anos de vigência da primeira codificação da propriedade industrial em Portugal (o antigo C.P.I./40, substituído pelo C.P.I./95). A escolha inconfessada do tema teve origem numa admiração secreta de infância, pelas personagens do Professor Pardal e do seu inestimável ajudante Lampadinha – criadas pela Disney em 1952 e 1953 –, representantes do desaparecido mundo do “inventor-solitário”, dos criadores de cave, sótão ou garagem, substituídos nos últimos trinta anos pela invenção organizada e totalmente profissional, dirigida por companhias globais de investigação, mobilizadas por incentivos de retorno e risco dos mercados de capitais e dívida, em que os inventores são, afinal, organizações orientadas e programadas para produtos e processos especialmente selecionados e pré-determinados, sobretudo nas áreas farmacêutica, química e biotecnológica. O texto agora republicado deve ser considerado e interpretado à luz da época da sua primeira publicação – ano de 1995 – consideradas as significativas transformações das estruturas jurídicas que conformaram a regulação do sistema da propriedade industrial em Portugal, ao fim de 55 anos de vigência, com a substituição do regime do antigo código de 1940 por um novo regime legal em 1995, que nos remete para um interesse especializado, mas profundamente histórico e circunstanciado na cláusula do seu tempo. Apesar dessa mudança, com a abertura de um novo ciclo na legislação, o legislador pareceu já derrotado no preâmbulo do diploma, admitindo a sua transitoriedade, com a previsão de o “(…) Governo promover a imediata constituição de uma comissão de especialistas para acompanhar a sua aplicação e propor as alterações necessárias”. Seria uma nota de fim de ciclo, que abria a porta a uma codificação de transição, que ameaçava ser um missing link na história legal da propriedade industrial e que terminaria com a aprovação de um novo regime legal em 2003.

Leituras semelhantes
O processo de democratização angolano - o caso da integração das autoridades tradicionais no sistema político
Favorito
O processo de democratização angolano - o caso da integração das autoridades tradicionais no sistema político
Mateus Paulo Congo
12,00
Adão, o Totem de Deus &Ab ovo usque ad mala
Favorito
Adão, o Totem de Deus &Ab ovo usque ad mala
Carlota Sayd Bomfim
11,00
História da educação
Favorito
História da educação
Martins Rodrigues
12,00
Manhãs de Sexta Feira IV
Favorito
Manhãs de Sexta Feira IV
Rodrigo Alves Taxa
14,00
Administração publica, organização administrativa e princípios gerais de direito administrativo
Favorito
Administração publica, organização administrativa e princípios gerais de direito administrativo
Abel Martins Rodrigues
13,00
Obsolescência planejada - Você também faz parte disso
Favorito
Obsolescência planejada - Você também faz parte disso
Helmuth Klein
12,00
Livrete Individual de Controlo - Mapa do Horário de Trabalho - Enquadramento factual e normativo no domínio da regulamentação social dos transportes
Favorito
Livrete Individual de Controlo - Mapa do Horário de Trabalho - Enquadramento factual e normativo no domínio da regulamentação social dos transportes
André Alexandre Marques Martins
12,00
Eficiência do Setor Bancário e os seus determinantes: O caso de Cabo Verde
Favorito
Eficiência do Setor Bancário e os seus determinantes: O caso de Cabo Verde
Tiago dos Santos
15,00
Eficácia e Transparência da Regulação Farmacêutica em Cabo Verde
Favorito
Eficácia e Transparência da Regulação Farmacêutica em Cabo Verde
Nélida Cabral
14,00
A marca invisível
Favorito
A marca invisível
Antonieta Costa & Magno Jardim
17,00
CULTURA ÁGIL EM EMPRESAS TRADICIONAIS
Favorito
CULTURA ÁGIL EM EMPRESAS TRADICIONAIS
Rodrigo Giaffredo
14,00
(Trans) Formar a Estomaterapia Pediátrica em Portugal
Favorito
(Trans) Formar a Estomaterapia Pediátrica em Portugal
Maria do Rosário Pereira Fernandes Martins e Jorge Manuel Amado Apóstolo
15,00
Pague de forma seguraPague de forma segura:
Receba em primeira mão
As nossas ofertas e novidades literárias